Patrus Ananias diz à Folha que situação do PT em BH não está boa

Petista confirma ao jornal que legenda está dividida para as próximas eleições

Filipe Matoso

Ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome durante o Governo Lula, Patrus Ananias é um dos principais líderes políticos do PT em Minas Gerais. Ele foi prefeito de Belo Horizonte e hoje os rumores são de que o PT-BH está dividido em quem o apoia e em quem defende Fernando Pimentel, atual ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. No entanto, Ananias nega e diz à Folha: “tive – não terei mais -, algumas disputas com o Fernando, mas a nossa relação de amizade foi rigorosamente preservada”.

De acordo com a reportagem de Paulo Peixoto publicada na última segunda-feira (12/12) no caderno Poder, Patrus afirmou que o PT precisa construir uma unidade partidária na capital mineira para as próximas eleições. Além disso, “a situação não é boa”. Outro líder petista em Minas, Nilmário Miranda disse algo parecido no microblog Twitter, quando afirmou que é necessário a legenda definir um posicionamento até 15 de janeiro.

Patrus Ananias/ foto: FomeZero.gov.br

E de onde surgiu esse imbróglio? Em 2008, o PT (Fernando Pimentel) e o PSDB (Aécio Neves) se uniram para eleger Márcio Lacerda (PSB) para prefeito nas eleições municipais. Como afirma a Folha, Patrus se distanciou da campanha por não concordar com o posicionamento do ministro do Governo Dilma. Não só ele. Muitos eleitores também. Inclusive, percebi que as pessoas que pensavam da mesma maneira de Patrus votaram em Leonardo Quintão, hoje deputado federal pelo PMDB mineiro.

Para não prolongar muito, vou direto à opinião. Concordo com Patrus e Nilmário. A união entre o PT e o PSDB em BH para apoiar um candidato do PSB é uma história confusa. A manobra de Pimentel e Aécio enfraqueceu, e muito, os petistas na capital mineira. Não há como negar e isso não é um ataque ao ministro do Desenvolvimento. Certo é que se o Partido dos Trabalhadores não adotar uma posição unificada, o reflexo será sentido nos militantes filiados e eleitores, que se dividirão e, provavelmente, enfraquecerão ainda mais a legenda.

Até a próxima!

About these ads

Publicado em 13/12/2011, em Imprensa, Política e marcado como , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Comentários desativados.

Os comentários estão desativados.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: